Condomínio Simples

5 MANEIRAS DE REDUZIR OS CUSTOS NO CONDOMÍNIO

São muitos os gastos que envolvem um condomínio e sabemos que se não tomarmos cuidado, eles podem se multiplicar facilmente. Somando a folha de pagamento, contas básicas de água e energia, manutenção da área de lazer e eventuais problemas que surgem todos os meses, o orçamento geral do condomínio pode acabar ficando pequeno demais, principalmente se o pagamento dos moradores não estiver em dia. Por isso que estamos aqui pra falar 5 maneiras de reduzir os custos no condomínio.

economize a energia elétrica

Sempre que possível opte por lâmpadas de led que são 80% mais econômicas que as comuns. Outra ação para economizar energia de maneira eficiente é investir em sensores de presença, bem como ajustar os elevadores para que eles funcionem de maneira inteligente. Em um primeiro momento, este pode ser um investimento alto. Contudo, a redução de custos do condomínio virá em cerca de seis meses.

Há também algumas ações simples para o dia a dia que podem auxiliar, por exemplo:

  • Nas áreas comuns com pouca circulação à noite, você pode diminuir a quantidade de luzes e refletores ligados;
  • Deixe desligado aparelhos que não estão sendo utilizados, como os aparelhos da sala de ginástica;
  • Educar os funcionários para que eles sempre desliguem as luzes quando estiverem acesas sem necessidade.

 Economia de água

Além de fazer um trabalho de uso consciente da água, é possível pensar no aproveitamento e reuso de água. Isso significa tratar e reutilizar as águas de chuvas que seriam descartadas.

Caso o condomínio seja mais antigo, instale hidrômetros individuais que ajudam a economizar cerca de 20% de água.

Assim como para a economia de energia, há ações diárias que o condomínio deve adotar para economizar água e evitar gastos desnecessários, como:

  • Monitorar o consumo de água do condomínio para caso haja grande diferença, será possível perceber vazamentos ou problemas relacionados;
  • Não usar água do condomínio para a lavagem de carro;
  • Rever a necessidade de lavar alguns locais todos os dias.

 Manutenção preventiva

Realizar as manutenções nas datas programadas pode parecer um gasto desnecessário, afinal tudo está funcionando. Porém, esta é a maneira mais eficaz de evitar grandes obras emergenciais no condomínio. Faça um checklist com todos os itens que devem ser conferidos. Por exemplo: elevadores, portões, instalações elétricas, etc.

Cobrança de inadimplentes

Inadimplência é um dos principais problemas da gestão de condomínios. O síndico deve evitá-la ao máximo, mas quando ela se tornar inevitável agilize as cobranças. Lembre-se de que os prazos para a quitação das dívidas foram reduzidos com o novo CPC. E esteja sempre alerta para que o condomínio não sofra com a chamada inadimplência crônica e acabe prejudicando muito os demais moradores.

VEJA NESSE LINK ALGUMAS DICAS PARA DIMINUIR A INADIMPLÊNCIA

Previsão orçamentária

Tão importante quanto o planejamento estratégico e até mesmo parte dele é a previsão orçamentária. Como já dissemos, problemas e imprevistos acontecem com bastante frequência em condomínios e muitas vezes isso acaba gerando custos extras e inesperados que são redirecionados para os condôminos, mas é possível estar preparado para isso.

Cobrar taxas extras em mensalidades para contratar serviços de conserto ou realizar melhorias não é algo incomum, porém isso pode ser evitado com um trabalho de controle e análise preditiva do orçamento.

Sem a previsão orçamentária, é muito difícil e ineficiente planejar ações e prioridades. Já quando a prática é mantida de forma correta, os recursos são bem gerenciados e há disponibilidades em momentos em que elas se fazem necessárias.

SAIBA MAIS SOBRE PREVISÃO ORÇAMENTÁRIA

DICA EXTRA

 

PENSE COMO EMPREENDEDOR

Mais do que seguir normas padronizadas entre os condomínios, é essencial pensar fora da caixa, fazer testes e arriscar algo novo. Lembre que o condomínio é uma espécie de empresa e arriscar as vezes é necessário.

Pensar sempre no que pode melhorar e no que pode ser economizado. As vezes o investimento antecipado faz muito bem a longo prazo e evitará custos desnecessários.

Se precisar de ajudar você também pode depositar a confiança em uma administradora de condomínios, que poderia bolar uma estratégia de redução de custos benéfica para todos? Afinal, uma administradora como a Condac vive o mundo condominial diariamente ajudando condomínios ficarem um ambiente cada vez mais harmonioso.

Essas foram as 5 maneiras de reduzir os custos no condomínio para uma vida financeira mais saudável.

Até breve.

28/10/2020   publicado por: Condac Condomínios
Tags:
Icone House

Nós conhecemos a vida em condomínio

Temos soluções ideais para o seu condomínio